.


Sistema Solar em tempo real para educação astronômica...

Please install latest Flash Player to run Solar System Scope

PROPAGAÇÃO

quinta-feira, 26 de julho de 2012

CÓDIGO SINPO E INFORME PADRÃO DE RECEPÇÃO


Nos primórdios da telegrafia sem fio, foram criadas abreviaturas para acelerar o processo de comunicação. Um dos tipos mais usados era o código Q, que era representado por três letras. Este código era usado para expressar com clareza e brevidade uma questão ou uma resposta. Por exemplo, o operador na estação transmissora enviava o prefixo "QRT?", que significa "deverei parar de enviar?". A resposta correspondente do operador na estação receptora era com o prefixo "QRT", que significa "pare de enviar".  

Do código Q, os radioamadores criaram seu próprio código, chamado de código RST , um modo abreviado de indicar as principais características de um sinal recebido: R indica a "compreensão" ou "clareza de recepção" (Readability), S a "intensidade do sinal" (Signal Strength) e T o "tom" ou "timbre" (Tone). Cada letra assume um valor numérico, que varia de '1' a '5' para R, e de '1' a '9' para S e T. O significado de cada valor é indicado abaixo. É importante frisar que o tom é avaliado apenas para as transmisões de radiotelegrafia (CW - continuous wave, ou onda contínua), ou seja, transmissões em código Morse. Em radiotelefonia a tonalidade não é reportada. O código RST também é usado para a avaliação de emissões utilitárias.  

O Código SINPO é um conjunto de parâmetros avaliativos utilizados pelos radioescutas para calcularem a recepção de determinada fonte emissora de rádio em sua base de escutas. Cada uma das letras faz referência a um fator preponderante na qualidade da recepção das ondas sonoras pelo aparelho receptor, sendo portanto: 

S - Signal (Sinal)
I - Interference (Interferência)
N - Noise (Ruído)
P - Propagation (Propagação) 
O - Overall (Avaliação entre os fatores) 

Cada uma das letras acompanha uma nota de 1 a 5, sendo o número mais baixo correspondente à pior condição e 5 para a melhor condição possível. Por exemplo, ao ouvir uma emissora do Japão no Brasil, cujas condições de rádio propagação sejam favoráveis, o SINPO poderá ser: 5,5,4,4,5. 

O esquema de notas possui a seguinte leitura:

SINAL ( S )
5 - Excelente
4 - Muito bom
3 - Justo
2 - Fraco
1 - Quse inaudível
INTERFERÊNCIA ( I )
5 - Nenhuma
4 - Leve
3 - Moderada
2 - Severa
1 - Extrema
RUÍDO ( N )
5 - Nenhum
4 - Leve
3 - Moderado
2 - Severo
1 - Extremo
PROPAGAÇÃO  ( P )  ( Fade)
5 - Nenhum
4 - Leve
3 - Moderada
2 - Severa
1 - Extrema
AVALIAÇÃO ENTRE OS FATORES -  ( O ) OVERALL
5 - Excelente
4 - Muito bom
3 - Justo
2 - Fraco
1 - Quase inaudível
 
O Código SINPO é de grande valia para o setor técnico das emissoras de rádio. Fornece em conjunto com a coordenada geográfica e o tipo de equipamento e antena utilizados, condições para se avaliar a transmissão de forma específica para determinada localidade. Através do envio regular destes parâmetros para as emissoras, o ouvinte contribui com a manutenção do sinal e sua consequente melhoria.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recent Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...