.


Sistema Solar em tempo real para educação astronômica...

Please install latest Flash Player to run Solar System Scope

PROPAGAÇÃO

domingo, 26 de agosto de 2012

COMO SERIA VIVER COMO UM EXTRATERRESTRE?

 
Como seria viver como um extraterrestre, se chegasse a um mundo como o nosso? É! Como seria? Ele conseguiria se adaptar, misturando-se aos seres humanos?

Penso que, se ele tivesse um grande poder intelectual, desde a mais tenra idade, viveria relativamente bem. Bastaria, quando fosse um bebê, suportar sorridente, apertões nas bochechas, diversas comparações e uma infinidade de tipos de flexões de voz e caretas. Teria que saber quando largar a chupeta, pois o mesmo objeto que era uma gracinha, passeando-lhe pela boca, passaria a ser reflexo de alguma deficiência afetiva. Assim seria com a mamadeira, o mimi e o dedo na boca.

Teria que manter a calma, diante das mais estúpidas respostas, dadas as suas perguntas. Não porque quizesse saber de algo, mas porque era uma fase crucial do aprendizado infantil. Viveria com decepções constantes, diante da palavra que mais ouviria, "não". Mas, sua grande capacidade intelectual permitiria-lhe entender essa fase também. Logo seria um pré-adolecente e estaria na hora de começar a exercitar seu poder de persuasão, que dificilmente seria bom o suficiente. Aprenderia a aceitar ordens e acatar comandos familiares, reclamando dos mesmos, apenas para parecer um adolescente comum. Tudo porque começaria a sofrer com cada vez mais cobranças. 

Teria que adaptar-se ao mundo adulto e conviver com os de mesma idade. Logo, arrumaria emprego, mas não se fixaria, pois deveria obedecer às regras, mas sem deixar-se dominar pelos mais velhos. Teria que encontrar seu espaço dentro da sociedade, sem ferir os outros, mas também, sem se ferir. Encontrar suas respostas ao mesmo problema histórico da humanidade, o amadurecimento. Evidentemente seu alto intelecto o ajudaria muito nesta passagem de adolecente, para jovem.

Aos vinte e cinco anos estaria formado, culturalmente, em alguma especialidade. Estaria empregado em uma boa empresa, com seu salário e vivendo conforme as regras sociais. Perfeitamente adaptado ao seu meio, faltando apenas um útimo detalhe, casar. Encontrar o par que mais pudesse lhe satisfazer, em todos os sentidos. Evidentemente que já estaria preparando-se para este momento, tendo alguém como futuro(a) senhor(a) extra-terrestre. E, com sorte, poderia iniciar o último e mais importante ciclo da vida humana. Dando continuidade à vida em sociedade, formando a célula mater da mesma.

Neste momento, sua experiência estaria concluída e ele(a) poderia voltar para o meio de seu povo e contar tudo o que aprendera. Só haveria um problema, como vivera toda a sua vida entre os humanos, não era mais um extra-terrestre, passara a ser humano. Estaria com defeitos humanos, manias humanas, costumes humanos e acreditando-se humano. Talvez, nem seu intelecto lhe tenha preparado para esse momento.

Talvez sejamos todos extra-terrestres, adaptados à vida na Terra. E você, nunca se sentiu diferente?
 
 
 
 
Fonte: clubnovosautores.blogspot.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Recent Posts

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...